De cara nova, Petra Belas Artes libera catálogo gratuitamente durante pandemia


Anteriormente hospedada na plataforma Looke, o streaming do cinema Petra Belas Artes, que reúne grandes clássicos da sétima arte, agora ganhou um endereço próprio. Além de estar de cara nova, a Petra Belas Artes disponibilizou seu catálogo gratuitamente até o dia 15 de abril para ajudar aqueles que estão isolados durante a pandemia da COVID-19 e já estão saturados com o catálogo mais mainstream de outros serviços como Netflix e Amazon Prime Video.

Fundado a partir do cinema de rua homônimo de São Paulo, a Petra Belas Artes reúne títulos de diversas décadas e países diferentes, tendo a proposta de resgatar grandes filmes que acabam ignorados em meio à enxurrada de novidades que a indústria proporciona. Sem diminuir a importância de novas produções, um catálogo de filmes cult é um modo de ter acesso a produções reconhecidas e cultuadas que, por terem uma distribuição mais restrita, acabam sendo de difícil acesso mesmo para espectadores interessados especificamente nesse nicho do cinema.

Imagem: Petra Belas Artes

Ao entrar no site, o usuário é recebido pela proposta de “uma nova maneira de ver filmes em casa: com programação especial”, isso porque a ideia da plataforma não é somente ter um número de filmes para seus assinantes, mas sim apresentar títulos como uma indicação, já que foram escolhidos por um curador.


Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.

No catálogo, a Petra Belas Artes tem grandes destaques como Metrópolis (Fritz Lang, 1927), Contos da Lua Vaga depois da Chuva (Kenji Mizoguchi, 1953), Morte em Veneza (Luchino Visconti, 1971), Uma Noite em Casablanca (Archie L. Mayo, 1946), Uma Mulher é uma Mulher (Jean-Luc Godard, 1961) e A Regra do Jogo (Jean Renoir, 1939), além do brasileiro Esta Noite Encarnarei no Teu Cadáver, de José Mojica Marins, o Zé do Caixão.

Leia a matéria no Canaltech.

Trending no Canaltech:


Fonte Laísa Trojaike
Data da Publicação Original: 4 April 2020 | 11:45 am


You may also like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *