Philips diz ser possível aumentar lucro mesmo com Coronavírus


As margens de vendas e o lucro da Philips ainda podem subir este ano, desde que a pandemia do Coronavírus diminua nos próximos meses, afirmou a empresa holandesa de tecnologia em saúde na última segunda-feira (20).

O otimismo contrasta com o pessimismo de grande parte do mundo corporativo e reflete a alta demanda por respiradores da Philips usados ​​no tratamento dos pacientes mais graves.

A empresa descartou a previsão anterior para 2020, de expansão das vendas de 4% a 6% e alta de 100 pontos base na margem de lucro operacional, pois a crise atingiu os resultados do primeiro trimestre e deve fazer pior no segundo.


Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.

No entanto, o presidente-executivo da empresa, Frans van Houten, disse que o crescimento “modesto” nas vendas e margens ainda é possível este ano se a crise diminuir nos próximos meses, permitindo que os hospitais reiniciem os procedimentos eletivos e a demanda do consumidor se recupere.

O coronavírus aumentou a demanda global por respiradores e outros equipamentos hospitalares da Philips, levando a um aumento de 23% nos pedidos nos primeiros três meses do ano, quando a empresa prometeu aumentar a produção.

Mas isso foi mais do que compensado por uma queda na demanda por produtos de cuidados pessoais, como escovas de dentes e barbeadores.

O lucro subjacente antes de juros, impostos e amortização caiu 33% no primeiro trimestre, no comparativo anual, para 244 milhões de euros, enquanto as vendas comparáveis ​​caíram 2%, para 4,15 bilhões de euros.

Leia a matéria no Canaltech.


Fonte Stephanie Kohn
Data da Publicação Original: 22 April 2020 | 8:00 pm


You may also like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *