Correios vão ajudar no cadastramento do programa de auxílio emergencial


Os Correios devem ajudar as pessoas que não têm acesso à internet e têm direito a receber o auxílio emergencial a fazer o cadastramento no programa do governo federal. Também será um ponto de apoio para tirar dúvidas. A informação foi dada nesta quinta-feira pelo ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, em reunião virtual da comissão mista de deputados e senadores que acompanha as medidas para o enfrentamento da pandemia do novo coronavírus.

O auxílio de 600 reais está previsto para ser pago em três parcelas até junho. Mesmo quem não recebeu a primeira parte e se enquadra nos pré-requisitos do auxílio poderá receber as três parcelas.

De acordo com o ministro, cerca de 96,9 milhões de pessoas acessaram o aplicativo da Caixa para tentar o auxílio. Destas, cerca de 50,5 milhões foram consideradas elegíveis e 32 milhões, inaptas para receber o benefício, parte dessas pessoas tentou fraudar o direito ao crédito.

As últimas notícias do auxílio emergencial


Fonte Natália Flach
Data da Publicação Original: 7 May 2020 | 6:50 pm


You may also like

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *