Twitter encerra de vez a função de alerta de usuários via SMS


Para a maior parte de sua base de usuários, a função de alertas de tuítes via SMS do Twitter não era usada nem tampouco conhecida, embora esse seja o propósito original da rede social em sua fundação. Entretanto, alguns poucos países e usuários ainda contavam com o recurso.

Não mais. Segundo o The Verge, o Twitter enfim concluiu a descontinuidade da função por motivos de segurança do usuário, embora ainda a mantenha em casos especiais. “Nós fechamos o restante de nossa função de Twitter via SMS, exceto por alguns países que dependem de seu uso na plataforma”, disse um porta-voz da empresa.

“O Twitter ainda vai enviar ‘mensagens importantes via SMS’, como códigos de autenticação de conta”, explica.


Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.

Função que integrava o Twitter ao sistema SMS do celular finalmente foi descontinuada pela rede social (Imagem: Reprodução/Guiding Tech)

A parte da “segurança” refere-se a um caso relativamente recente: em 2019, hackers conseguiram tomar posse temporária da conta oficial de Jack Dorsey, CEO e co-fundador do Twitter, usando uma vulnerabilidade identificada na função de integração ao SMS. Eles chegaram até mesmo a publicar um tuíte pela conta do executivo antes que a plataforma a desligasse de vez, cortando o acesso dos invasores. Essa medida foi determinada para a maioria dos grandes mercados onde o Twitter tem presença.

Nem todos gostaram

Alguns países de menor porte e usuários que usavam a função para empreendedorismo, porém, ainda dependiam dela para o dia a dia. A notícia, inclusive, não foi bem recebida por algumas pessoas: o site DansDeals, que reúne promoções variadas em solo norte-americano, publicou um post reclamando da decisão.

“O Twitter matou sua opção de Twitter via SMS sem nenhum aviso prévio. Por mais de 11 anos, milhares de leitores do DansDeals vinham recebendo alertas via SMS de novas promoções por meio deste serviço”, comenta a página.

“Na verdade, a contagem de seguidores do perfil @DansDeals caiu de cerca de 97 mil para 89 mil, uma vez que o Twitter aparentemente removeu os seguidores que se credenciaram para os nossos alertas por meio de seus provedores de SMS, o qual não exigia uma conta dentro da rede social”, finaliza.

O site varejista argumenta que o Twitter oferece outras opções de segurança, citando nominalmente a autenticação em dois fatores (2FA), dizendo que era desnecessária a descontinuação da função SMS.

A mudança serve como a última pá de terra no que era o propósito original do Twitter, em seu lançamento no distante ano de 2006: o formato original de tuítes, com 140 caracteres, seguia esse padrão justamente para acomodar o tamanho de uma mensagem de texto via celular — o formato em si seria o vetor principal de comunicação entre os seus usuários antes de a plataforma desenvolver seu próprio editor embutido de texto.

Leia a matéria no Canaltech.


Fonte Rafael Arbulu
Data da Publicação Original: 28 April 2020 | 10:45 am


You may also like

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *